Buscar

Lista de Alimentos para uma dieta sem glúten

O que é Glúten?


Saber o que é o glúten já é um bom começo para saber quais alimentos o contêm.


Ele é uma proteína naturalmente presente no trigo, centeio e cevada. Assim, já dá para saber que aquela pãozinho francês ou de forma está proibido na dieta gluten-free.


Essa proteína confere elasticidade às massas, possibilitando que elas sejam trabalhadas, esticadas e modeladas mais facilmente. Por isso, ele é usado em muitos alimentos.


Hoje em dia fazer uma lista de alimentos sem glúten nunca ficou tão fácil. Você vai descobrir como fazer compras de alimentos sem glúten, encontrará coisas que vão te encher em um piscar de olhos e que são deliciosas e saudável.


Você naturalmente terá que fazer algumas alterações no modo como você faz compras na mercearia. Uma dieta sem glúten é muito mais flexível do que se pensa, mas você ainda precisará fazer algumas mudanças básicas no seu estilo de vida.


Mesmo assim, essas mudanças vão valer a pena fazer. Quando você considerar que em praticamente qualquer mercearia você encontrará praticamente tudo.


Principais alimentos que contém glúten


Na hora de fazer compras, é importante dar atenção aos rótulos e lista de ingredientes. Às vezes, o glúten está em produtos que não levantam suspeitas, entre eles:


São eles:


  1. Bolos, pães, biscoitos e salgadinhos;

  2. Barrinhas de cereais, de frutas ou frutas desidratadas (no caso das frutas desidratadas, a presença do glúten pode acontecer por contaminação cruzada);

  3. Derivados de leite e bebidas lácteas;

  4. Condimentos, temperos e caldos prontos;Sopas desidratadas;

  5. Massas em geral;

  6. Cereais matinais e granola;

  7. Bebidas prontas;

  8. Carnes cruas temperadas;

  9. Queijos;

  10. Doces industrializados;

  11. Gelatinas;

  12. Cervejas;

  13. Suplementos alimentares e shakes;

  14. Enlatados e carnes processadas;

  15. Kani;

  16. Café e achocolatados em pó;

  17. Chicletes, balas e chocolate.


Isso não quer dizer que toda gelatina ou chocolate terá glúten, mas que podem ter devido à contaminação cruzada ou inserção de produtos com glúten na produção.


Além disso, vale lembrar que há empresas que produzem esses mesmos alimentos especialmente para pessoas com restrição ao glúten. Por isso, até as pizzas, pães e cervejas podem ser encontradas nas versões sem glúten.


Confira nossa lista de alimentos sem glúten


Uma alimentação saudável e livre de glúten deve priorizar alimentos ricos em vitaminas, minerais, com baixo teor de açúcares, gordura e, preferencialmente, com menos industrializados.


Para fazer uma dieta excelente sem glúten você vai querer manter os seguintes alimentos em mente:


  1. Frutas;

  2. Legumes e verduras;

  3. Carnes e peixes;

  4. Farinha de arroz, mandioca, amêndoa, milho, feijão, ervilha, soja, inhame;

  5. Arroz, milho, amaranto, araruta, trigo sarraceno, quinoa;

  6. Amido de milho (popular maisena);

  7. Tapioca;

  8. Fécula de batata;

  9. Polenta;

  10. Sal, açúcar, chocolate em pó, cacau;

  11. Gelatina;

  12. Óleos, azeite, manteigas e margarinas.


Atenção aos rótulos: É lei: toda embalagem deve indicar se o produto contém ou não alergênicos como glúten e lactose. Por isso, ler as embalagens e prestar atenção à lista de ingredientes é a melhor maneira de alimentar-se com segurança.


Para fazer uma dieta sem glúten deve comer-se apenas alimentos sem glúten e é necessário excluir da alimentação todos os alimentos com glúten como os que são feitos com farinha de trigo, cevada ou centeio como bolos, bolachas, biscoitos ou pão, por exemplo. Saiba mais sobre alimentos com glúten em: Princípios da dieta sem glúten.


Existem também outros alimentos sem glúten que podem ser comprados facilmente em lojas de produtos naturais como pão e macarrão, mas neste caso o rótulo do produto deve indicar 'alimento sem glúten' ou 'glúten free'.


Alimentação sem Glúten: Como fazer

Existem benefícios ao fazer a Dieta sem Glúten?


Essa dieta só deve ser seguida por pessoas portadoras da doença celíaca, na qual há uma intolerância do organismo em relação ao glúten, o que pode ocasionar lesões na parede intestinal que pode resultar em deficiência na absorção de nutrientes.


Além disso, não existem evidências científicas que comprovem que a exclusão dessa proteína por pessoas que não possuam a intolerância ao glúten favorecerá o emagrecimento.


Porém, o glúten é totalmente dispensável na dieta. Ele não oferece qualquer benefício especial a nossa alimentação ou saúde, então pode ser cortado sem qualquer problema.


Porém, é necessário ficar atento para que a eliminação dos alimentos com glúten, presente, em geral, nas fontes de carboidratos, não acabe deixando sua alimentação desequilibrada.


Referencia:


Tatiane Zanin_Nutricionista

Angela Warkentin Federal - Nutricionista

Laura Tavares - Redação minha vida

Juliana Santiago - Vida de casada


Saiba mais: Adquira já os PRINCÍPIOS DA DIETA SEM GLÚTEN


0 visualização